Brincadeira





Teve um dia em que teve muita brincadeira, eu brinquei muito, eu brinquei, brinquei, e depois....mais brincadeira, e mais brincadeira, e depois, almoço, e logo depois, mais brincadeira, mais brincadeira, depois....banheiro, a almoço tinha que ir embora, depois teve mais brincadeira, e mais brincadeira, eu andei de bicicleta e me machuquei, cheguei em casa minha mãe me botou de castigo, e pensando que eu não podia mais brincar, fui chorar no banheiro.

Alí descobri uma nova brincadeira, ela era tão legal, e muito prazerosa. Depois de umas semanas, eu comecei a brincar dessa brincadeira com mais frequência.
Teve um dia que minha mãe abriu a porta do banheiro e me viu brincando, eu disse que tava....brincando, o que mais falar? Ela falou para não brincar mais disso no banheiro, mas eu não ouvi, continuei a brincar disso.

Teve um dia que eu espiei meu pai e minha mãe brincando da mesma coisa que eu, e descobri que a brincadeira não era só individual, podia ter uma parceira.
Convidei uma amiguinha minha para brincar, ela achou um pouco esquisito, mas brincou. Depois eu comecei a brincar em dupla com mais frequência, e os tapas na cara também tiveram mais frequência , porque nem sempre elas queriam brincar comigo, já que eu não tinha a mesma inoscência de antes.

Depois eu descobri que existiam umas mulheres que ganhavam a vida brincando, bastava pagar uma quantia e elas brincavam com você a noite inteirinha. Eu resolvi visitar uma delas. Nós brincamos a noite inteira, foi maravilhosa aquela noite, só que no final eu não tinha o dinheiro pedido pela moça, então o patrão dela me obrigou a brincar com ele para pagar a dívida, não gostei muito, foi muito desconfortável ser brincado por outro.

Depois de um tempo, eu achei uma parceira definitiva para a brincadeira, nós brincávamos todas as noites. Depois de um tempo ela dizia que tava com dor de cabeça e não podia brincar naquela hora, eu insistia e então ela brincava.

Até que um dia eu fui brincar com outra pessoa. Ela ficou sabendo da brincadeira por uma amiga, então nunca mais brinquei com ela.

Mas eu arrumei outra parceira para a brincadeira. Não sei o que aconteceu, eu não tinha forças para brincar. Antes eu brincava quando eu queria, agora eu não consigo mais, a parceira ficou rindo de mim.

"Game Over"

Postar um comentário

Já que você está aqui, por que não dar uma palavrinha sobre este post?